CILINDRO PNEUMÁTICO

CILINDRO PNEUMÁTICO

USO BARATO E ECOLOGICAMENTE CORRETO

Empregado em diferentes setores, o cilindro pneumático transforma ar comprimido em força e/ou movimento (linear). Seu uso viabiliza movimentações em sistemas de automação e operações com máquinas, de uma maneira totalmente segura e sustentável.

Diferente de outros sistemas como o hidráulico, os atuadores pneumáticos não agridem o meio ambiente, já que sua fonte de funcionamento é infinita e atóxica (sem necessidade de escape para a atmosfera). Seguros, apresentam tecnologia limpa, tornando-o menos propensos a contaminações, além de reduzir o risco de faíscas em ambientes explosivos – como ocorre em sistemas elétricos. 

O atuador pneumático é encontrado facilmente no mercado e possui custo relativamente baixo comparado aos benefícios.  Com design simples proporciona alta durabilidade suportando facilmente cargas pesadas ou pressões constantes, operando com alto poder de força e velocidade – sem aquecer o sistema ou alterar seu desempenho.

INFINITA FONTE DE ENERGIA COM ALTO DESEMPENHO

Composto por saídas de escape e pistões (que se movem dentro de uma câmara fechada), o cilindro pneumático armazena gases comprimidos mesmo na ausência de eletricidade ou energia. Produzido em variados modelos, medidas e funções, molda-se às necessidades de cada operação. Entre os materiais mais comuns usados na fabricação de atuadores estão:

  • Aço;
  • Aço inoxidável;
  • Alumínio;
  • Latão niquelado.

Indicado para uso em válvulas rotativas como a borboleta, esférica, macho e etc. Ou em modelos lineares tipo globo, gaveta, guilhotinas, entre outros. O cilindro pneumático detém de boa resistência mecânica, baixo peso e imunidade à corrosão e oxidação – essas propriedades contribuíram para sua disseminação na indústria nas mais diversas aplicações.

Os pneumáticos mais comuns são de “simples ação” e de “dupla ação”. No primeiro, o movimentando ocorre em apenas um lado do dispositivo, onde o atuador é alimentando pelo ar comprimido que aciona a válvula liberado/bloqueando o fluido em seu interior. Já o segundo é alimentado por ar comprimido que aciona seus dois sentidos, gerando uma força maior nas operações.

Ambos são indicado para válvulas rotativas como a borboleta, esférica, macho e etc. Ou em modelos lineares tipo globo, gaveta, guilhotinas, entre outros. Por possuir propriedades como boa resistência mecânica, baixo peso e imunidade à corrosão e oxidação, o cilindro pneumático é indicado para várias aplicações.

ONDE USAR OS CILINDROS PNEUMÁTICOS

  • Cilindro pneumático de simples ação com retorno por mola

O pneumático de simples ação é usado em aplicações que demandam um nível de proteção maior, como em processos específicos dos setores agrícolas, de construção civil e de saneamento. 

  • Cilindro pneumático de dupla ação

O atuador com dupla ação é conhecido pela sua operação ar/ar – capaz de transformar uma válvula manual em automática. Sua velocidade é ajustável, sendo capaz de: Diminuir a velocidade do cilindro com conexões reguladores de fluxo ou aumentar a aceleração em válvulas de escape rápido.  Por mover cargas em ambas direções é aplicado, comumente, em indústria alimentícia ou farmacêutica.

Deixe uma resposta